sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Dicas de locais para viajar

Se você quer viajar para comemorar os seus 15 anos, nós damos algumas dicas de locais incríveis para comemorar esta data especial.


 1. Planeje com antecedência
É preciso planejar com antecedência a sua viagem, pois é impossível organizar uma super viagem de uma semana pra outra. Comece a se programar com, pelo menos, seis meses de antecedência. Com mais tempo, você conseguirá escolher com cuidado o destino e traçar um roteiro certo. Sem contar que, na maioria das agências de turismo, os pacotes fechados com um prazo maior ficam mais baratos. Quanto maior a antecedência, melhores as condições de preço para a viagem. E as parcelas ficam menores, também.


2. Faça a viagem com os amigos
Fazer mochilão sozinha é uma experiência válida, mas deixe isso para quando estiver um pouco mais velha. Aos 15 anos, o melhor a fazer é juntar os amigos e amigas que fazem aniversário próximo (ou não) e combinar uma viagem com todo mundo junto. Se não conseguir uma turma grande, convença a sua melhor amiga a ir com você. Ou, então, a sua prima... É importante lembrar que quando você viaja em uma excursão, a própria empresa se responsabiliza por vocês. Já quando viaja sozinha, é preciso carregar, para todos os lugares, uma autorização dos pais.


3. Passaporte e visto para viajar
Se escolher um destino internacional, você precisará de passaporte e visto (com exceção de alguns países da América do Sul, que dispensam os dois). Alguns países da Europa não precisam de visto, só de passaporte. Já nos EUA é obrigatório ter os dois e o processo para emissão de visto é lento. Para requerer o passaporte, é necessário entrar no site do Departamento de Polícia Federal (www.dpf.gov.br) e, para saber mais sobre o visto norte-americano, visite o site da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil (www. embaixada-americana.org.br).


4. Agências de turismo
Não tenha pressa para procurar uma agência de turismo na qual confie. Leve seus pais com você quando estiver pesquisando empresas e preços. As mais recomendadas são aquelas que fazem  excursões fechadas para adolescentes. O único problema é que a maioria destas empresas tem pacotes que se limitam aos destinos mais procurados pelos jovens (Disney e Porto Seguro, por exemplo). Ou seja, se a sua ideia for viajar para lugares inusitados, o melhor é procurar outros estabelecimentos.


5. Assistência médica para viajar
“Eu não vou ficar doente na viagem dos meus sonhos!”. Pois é. Ninguém planeja, mas, às vezes, essas coisas acontecem. Vai que você pega uma gripe, vai que você come alguma coisa com a qual não está acostumada... Pra evitar sofrimentos, é fundamental sair do Brasil (ou de sua cidade) com o plano de assistência médica fechado. Converse com a  agência de turismo e eles lhe passarão as melhores opções.

Magic Kingdom, Disney

6. Walt Disney World (Orlando, EUA)
A chegada da Disney a Orlando, em 1971, tornou a cidade uma das mais visitadas dos Estados Unidos. E o destino mais cobiçado por crianças e jovens. As principais atrações são os parques temáticos e os outlets de marcas que, aqui no Brasil, custam o olho da cara. Prepare-se para se divertir muito e reserve ao menos dez dias pra essa viagem.


7. Bariloche (Argentina)
A cidade até ganhou o apelido de “Brasiloche” por causa do grande número de brasileiros que a escolhe como destino, especialmente no inverno. Quem vai pra lá, encontra muito chocolate, fondue e, claro, esportes na neve. A vida noturna também é bem agitada, com bares e baladas. O Cerro Catedral é considerado um dos melhores centros de esqui do Hemisfério Sul, com ótimas pistas e um teleférico que também leva não esquiadores para admirar a paisagem do alto da montanha.


8. Europa
Quando se fala nesse continente, milhões de ideias vêm à cabeça. A Inglaterra do McFly, o romantismo de Paris, as massas da Itália, as tulipas de Amsterdã... Que tal fugir um pouco do “lugar-comum” das viagens de 15 anos e ir à Europa para visitar todos estes países? Além de voltar de lá com uma tremenda bagagem cultural, vai que você dá sorte e conhece um europeu bem bonito, pra chamar de seu. Vale lembrar que esta viagem exige mais planejamento, porque os preços são mais altos comparados aos outros destinos que citamos.


9. Canadá

Embora discreto, o Canadá é o segundo maior país do mundo em território. O local tornou-se destino certo para os brasileiros que querem estudar e trabalhar no exterior. Isso porque os cursos de lá têm a melhor relação custo/benefício. Vancouver já ganhou o título de lugar com melhor qualidade de vida do mundo. Além de ser um país multicultural – com tradições indígenas, inglesas e francesas –, o Canadá também é dono de uma natureza de tirar o fôlego. Se decidir ir durante o inverno (de dezembro a março), prepare-se para enfrentar muito frio, pois as temperaturas ficam abaixo de zero, dia e noite.


10. Cursos de férias no exterior
Alguns programas oferecidos por agências de intercâmbios combinam estudo de algum idioma com atividades de lazer e cultura. É uma ótima oportunidade para conhecer outras pessoas de diferentes nacionalidades e, ainda, se aprofundar na língua e cultura do país. Os preços variam de acordo com o número de semanas que pretende ficar.


11. Cruzeiros
Comemorar os 15 anos em alto-mar é fugir do tradicional. De algumas cidades praianas do Brasil saem navios que passam pela costa brasileira, e aqueles que avançam para Buenos Aires e Punta del Este. As principais empresas são MSC, Royal Caribbean, Costa Cruzeiros, Ibero Cruzeiros, CVC e Iberostar. A italiana MSC Cruzeiros oferece pacotes especiais para debutantes, com serviços exclusivos.

Galeria Vittorio Emanuele II, Madri, Espanha

12. Fernando de Noronha (Pernambuco)
Fernando de Noronha, também conhecido como “O paraíso na Terra”, é formado por 21 ilhas, ilhotas e rochedos. A areia das praias é dourada, a água do mar é azulzinha e a vida marinha é um dos maiores atrativos. Fernando de Noronha é o lugar perfeito para mergulhar e, também, para caminhar, andar de barco, bugue e tirar fotos incríveis. Para visitar o arquipélago, é preciso pagar uma taxa de permanência que varia de acordo com o tempo que pretende ficar por lá. Atenção: mesmo sendo no Brasil, este é um destino caro, por isso, exige planejamento.


13. Fortaleza (Ceará)
Terra de sol (no verão, o astro ilumina a cidade nove horas por dia), praias limpas e uma vida noturna agitadíssima. Os hotéis são econômicos e o centrinho de compras é pra perder a linha. Quer mais? A cidade abriga o Complexo Beach Park com 180 mil metros quadrados de pura diversão. A maior piscina de ondas
está lá, assim como o toboágua mais alto do mundo.


14. Florianópolis (Santa Catarina)

A mesma cidade reúne praia – são 42 “oficiais” –, ecoturismo, as melhores baladas, surfistas (principalmente na Praia da Joaquina) e muita gente bonita. A melhor época para visitar Florianópolis é de setembro até o começo de abril, porque lá, diferentemente do Nordeste, só faz calor na primavera e no verão. Florianópolis também é o local certo para as aventureiras que gostam de fazer trilhas e rafting.


15. Porto Seguro (Bahia)
Foi lá que Pedro Álvares Cabral desembarcou em 1500. Mas, hoje, a cidade é conhecida entre os jovens pela axé music, o forró, o sol, as praias e a galera animada. Porto Seguro é destino certo para os solteiros. De dia, você curte o calor nas praias e quiosques e, à noite, você vai para as baladas – há o suficiente
para passar uma semana lá, sem repetir nenhuma atração noturna.

Nenhum comentário:

Postar um comentário